Dicas: Quais são as causas da doença venosa crônica e varizes dos membros inferiores? (Parte 1)

Posted on

O aumento de líquidos nos tecidos das pernas causa o desconforto e, ao longo do tempo, pode ainda danificar as veias, agravando os sintomas.

É importante saber que as veias varicosas refletem um problema em circulacionsanguinea que pode ser intensificada com outros sintomas como peso, dor e fadiga nas pernas. As varizes aparecem com mais frequência nos membros inferiores: pés, pernas e coxas. Aproximadamente metade das pessoas com varizes tem membros da família que também possuem veias varicosas.- Idade. Ter peso extra no corpo pode fazer pressão adicional nas veias.- Ficar em pé ou sentado com as pernas cruzadas ou curvadas por tempo prolongado. Existem diferentes tipos de varizes nos membros inferiores. A presença da variz indica uma veia doente, sendo muitas vezes o primeiro sinal de uma insuficiência venosa crônica. Este texto abordará as varizes nas pernas (varizes dos membros inferiores), dando ênfase às causas, sintomas, prevenção e tratamento. Como já explicado, as varizes surgem quando ocorre um represamento do sangue nas veias, em geral, por incompetência das válvulas venosas. São sinais de doença das pequeníssimas veias superficiais que ficam logo abaixo da pele.

As causas de veias varicosas e factores de risco

  • As válvulas venosas podem parar de funcionar corretamente,
  • As veias podem inchar, tornando-se varizes.

Quando já há edema, podem haver outros sintomas como peso nas pernas, câimbras noturnas (leia: CÂIMBRAS | Causas e tratamento), sensação de queimação, comichão e dor no trajeto das varizes.

É importante que os pacientes com estas alterações percebam que suas veias dos membros inferiores começam a dar sinais de falência. Especialmente nos membros inferiores, o “movimento” do sangue através das veias é feito contra a força da gravidade. As causa básicas da hipertensão venosa crônica (HVC) são as varizes dos membros inferiores e as sequelas da trombose venosa profunda. São veias dilatadas, alongadas que são formadas pela dificuldade do retorno do sangue dos membros inferiores ao coração. Se podem formar veias varicosas também: Além disso, o aumento no nível de estrogênio e progesterona pode causar: Além disso o volume de sangue no corpo aumenta durante a gravidez. No entanto, quando por diferentes motivos o sangue não consegue subir, e se acumula nas veias das pernas e pés, as veias ficam dilatadas e aparecem as varizes. vai das veias profundas para as superficiais, que ficam dilatadas; Muitas surge o aparecimento de vasinhos capilares avermelhados nas pernas, que não provocam problemas ou sintomas, sendo diferentes das varizes. Embora os membros inferiores sejam os que mais sofrem com o problema, há a possibilidade de as varizes surgirem em outras regiões do corpo.

2. Quais são as causas da doença venosa crônica e varizes dos membros inferiores?

  • As veias ficam com a cor roxa ou de cor azul
  • As veias parecem torcidas e salientes muitas vezes como cordas em suas pernas

Alguns dos sinais da presença delas são dores, inchaços, sensação de peso na perna, além da aparência que dão aos membros inferiores.

Qualquer veia do corpo pode ser acometida pela trombose, embora seja mais comum nos membros inferiores. As teleangectasias e veias varicosas podem ser um sinal externo, ou um aviso, de que há um problema interno que é conhecido como insuficiência venosa. Elas agem desviando, através das veias comunicantes, o sangue das veias superficiais, onde as varizes se formam, para as veias profundas, onde não existem varizes. O mau funcionamento pode fazer com que o sangue bombeado pelos músculos dos membros inferiores retorne com dificuldade ao coração, apresentando refluxo nas veias, causando as varizes. As veias mais acometidas são as dos membros inferiores: nos pés, pernas e coxas. Sintomas: Na grande maioria das vezes a queixa principal é a estética: na posição de pé as veias ficam dilatadas, tortuosas e muito visíveis. As varizes consistem em veias profundas ou superficiais, que se tornam deformadas e dilatadas nas pernas após o acúmulo de irrigação sanguínea na região. Podem ocorrer em quaisquer veias do nosso corpo, mas o mais comum é a incidência nas pernas e pés. Danos em veias mais profundas coágulos sanguíneos e alguns tipos de tumores também agravam os riscos do surgimento de varizes.

Causas das veias varicosas nas pernas

  • Dor nas pernas ou virilhas;
  • Sensação de peso nas pernas;
  • Pernas mais inchadas no final do dia.

Leia também: As varizes são veias dilatadas que aparecem nos membros inferiores causando dores, inchaços, deformações e perda da sensibilidade.

A flebite, também chamada de trombose venosa, é caracterizada pela inflamação que ocorre na parede das veias, causando inchaços, dores e sensação de peso nas pernas. As Veias profundas conduzem o sangue a veia cava inferior que é a maior veia de seu corpo e que faz o retorno do sangue venoso ao seu coração. Para confirmar o diagnóstico  de veias varicosas e para um melhor planejamento terapêutico, seu médico pode solicitar um teste de Ecodoppler Venoso de membros inferiores. Existem muitas substâncias que podem ser usadas e uma das mais empregadas é a glicose, por causa da grande tolerabilidade do paciente e por não causar alergia. Como muitas vezes acontece que uma jovem mulher após o parto se torna convexa veias atado nas pernas, dor, varizes e outros problemas. Estes malha vascular formado vasos sanguíneos pequenos, o que pode ser uma desvantagem estética simples, e pode ser um sinal de início de veias varicosas. Existem muitas drogas eficazes noas fases iniciais do tratamento de veias varicosas. As úlceras venosas tem esse nome por aparecerem nas veias dos membros inferiores, embora em número bem menor elas também podem surgir nas artérias. Existem três tipos de varizes sendo diagnosticadas das mais simples até as mais severas sendo: Aranhas vasculares: são as pequenas veias roxeadas, popularmente conhecidas como “vazinhos”.

Varizes: quando as aranhas vasculares viram varizes, é sinal de que as dificuldades do sangue voltar o seu trajeto já atingiu veias maiores, gerando assim um agravamento do problema.

Edema: quando surgem os edemas, é sinal de que existem muitas varizes formando então inchaços nas pernas. As varizes são veias superficiais dilatadas e tortuosas, mais frequentes nos membros inferiores. Depois que o sangue irriga os membros inferiores, as veias das pernas reconduzem-no ao coração com o auxílio de válvulas, que ajudam o líquido a vencer a gravidade. Os sintomas apresentados pelo comprometimento das veias profundas são mais intensos e mais graves dos que resultam do comprometimento das veias superficiais. Varizes são veias dilatadas e tortuosas, mais comuns nos membros inferiores. Os sintomas da doença venosa crónica incluem sensação de peso e dor nos membros inferiores, sobretudo no final do dia e, em alguns casos, prurido. Método 2 1 Existem alguns modelos de meias que exercem pressão terapêutica nas veias das pernas, diminuindo a dor e mantendo as varizes sob controle temporário. As veias varicosas mais profundas, conhecidas como veias de safena, normalmente são tratadas com tal método. Quando isso ocorre, elas ficam endurecidas e estreitas fazendo com que a circulação do sangue seja bem mais lenta. No entanto, as veias mais vulneráveis a varizes são as das pernas e dos pés, pois andar e ficar em pé podem forçar as veias do parte inferior do corpo.